quarta-feira, 19 de março de 2014

Projeto de conservação ambiental é lançado no município de Bonito/MS

A intenção deste projeto é promover a conservação da natureza estimulando práticas de recuperação florestal e educação ambiental nos municípios de entorno da Serra da Bodoquena


Na última quinta feira (13), o Instituto das Águas da Serra da Bodoquena – IASB realizou o lançamento do Projeto Ilhas Verdes – Fase II que reuniu mais de 70 pessoas no Sindicato Rural, em Bonito/MS, num evento denominado localmente como RETECA – Reunião Técnica com Costela Assada.

Produtores rurais, estudantes, professores, lideranças políticas, autoridades públicas e sociedade em geral estiveram presentes no evento que marcou ainda o início do ciclo de palestras voltadas ao homem do campo, sendo esta uma das primeiras ações do projeto. Todos os participantes foram presenteados com materiais do projeto como cartilhas, sementes nativas, amostras de adubo orgânico, folhetos explicativos e mudas de ipê branco e amarelo.

Com o patrocínio da Petrobras, através do Programa Petrobras Ambiental, Ilhas Verdes – Fase II tem o objetivo de promover a conservação da natureza, contribuindo para a manutenção da qualidade dos recursos hídricos da região da Serra da Bodoquena.

Com ações nas áreas de educação Ambiental, gestão ambiental, restauração florestal e ecoficiência, o projeto atingirá cerca de 10 mil pessoas nos municípios de Bonito, Jardim, Porto Murtinho e Bodoquena e, indiretamente, por meio da mídia, cerca de 20 mil pessoas no período de dois anos.

“A ação tem duração de dois anos e envolve apoio aos produtores rurais para adequação ambiental de suas propriedades, promoção de ações educativas, treinamentos, promoção de concursos voltados aos estudantes, dentre várias outras atividades”, explica Liliane Lacerda, coordenadora do projeto.

A novidade do Projeto Ilhas Verdes – Fase II, cuja fase I foi realizada entre os anos de 2011 e 2012, é que, além da recuperação florestal há uma atenção maior com os produtores rurais, proporcionando momentos de integração e geração de conhecimento para este público.

Palestrante Ari Fialho
O primeiro momento de troca de experiências foi realizado junto ao lançamento do projeto. Com a temática “Conservação e Manejo Integrado de Água e Solo”, o palestrante Ari Fialho, da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural – AGRAER, abordou a importância de se melhorar e otimizar a utilização dos recursos naturais, no caso específico, indicando práticas de conservação do solo e da água.

Na noite de lançamento também foi iniciado o cadastramento de produtores interessados em participar do projeto. Ao todo as inscrições somaram mais de 20 propriedades. Aqueles que participarem das atividades de restauro florestal contará com uma série de benefícios, incluindo a doação de mudas nativas e orientação técnica para o plantio.

É importante ressaltar que o projeto recebe o apoio do Sindicato Rural de Bonito, AGRAER, Secretaria Municipal de Meio Ambiente, RPPN Cabeceira do Prata, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade – ICMBio, Rádio Bonito FM e Associação dos Produtores de Leite de Bonito – BONILEITE.

Mais informações, ligue: 67 3255-1920.
 
Recepção dos participantes

Presidente do Sindicato Rural de Bonito durante discurso de abertura
Coordenadora do projeto ministrando palestra de lançamento
Jantar de confraternização após o lançamento do projeto
Equipe técnica do IASB



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails